sexta-feira, 25 de maio de 2012

Receitas e Pomada de Calêndula Concreta em revista vintage

Meus achados pessoais nunca acabam… é a impressão que tenho. Mas acho que para acabarem teria que postar bem mais…

Aqui uma página da Revista Mundo Ilustrado, que circulou nas décadas de 1950 e 1960, com diversas receitas de pães. Numa época em que ser "Rainha do Lar" era o sonho da maioria das moças, saber preparar um bom lanche para receber as visitas era fundamental, e olhem ´só, tudo feito pela "Prendada Dona de Casa".

Se quiserem fazer essas receitas, já estão no Cria Trecos, aqui e aqui.P9200085

Aqui, em detalhe o anúncio da "Pomada de Calêndula Concreta", que já usei muito, e hoje até gostaria de ter uma na farmacinha aqui de casa, vou providenciar, pois estou com uma espinha inflamada na testa, e é batata: "onde há Calêndula, não há pus". Foi ela, sem querer, que curou a infecção do olho esquerdo do meu primeiro filho, com quase 2 anos de idade, e já traumatizado pelo uso constante, desde que nasceu, de todos os colírios e tratamentos possíveis, uma tortura para ele e para mim, tínhamos que colocar os colírios à força, ele chorava muito, e inclusive até havíamos feito o procedimento da desobstrução do canal lacrimal, em hospital, sedado, etc, um horror,  sem resultados… P9200086

Vou contar como foi. Usávamos a Pomada de Calêndula em picadas de mosquitos, cortezinhos, tudo que começasse a inflamar. Ele era um bebê muito claro, com olhos azuis e uma noite de descuido nosso, foi picado por mosquitos em 4 ou 5 lugares do rostinho e nas bochechas, então colocamos um pouquinho de Calêndula em cada picada. Como seu olho vivia inflamado, sem nenhum resultado aos tratamentos, devia ter passado uns 30 dias da desobstrução do canal em ambulatório,a  nossa última tentativa de cura, ele coçava muito, e acabou coçando as picadas (com Calêndula) e depois os olhinhos, No dia seguinte levei um susto, pois surgiram várias bolinhas inflamadas, tipo uns cravinhos, ao redor dos olhos dele, que secaram ao longo do dia e logo desapareceram. Só então conseguimos entender que ao levar a pomada ao local da inflamação, e como o canal era obstruído, a infecção veio para fora… e… nunca mais voltou.

Mas por favor, né? Foi um acidente, pois a Calêndula que usamos não era uma pomada oftalmológica. Éramos novos, e tivemos mais sorte do que juízo, e era uma outra época, com menos recursos. Não vão usar sem consultar um médico, né?